+352 621 592 463 WhatsApp

Azucrinação

by bolada no alambrado | campinho do condomínio

Presente na síndrome de Asperger e no autismo, a misofonia pode desencadear reações abruptas, depressão e impedir afazeres normais do cotidiano. Na misofonia os sons são percebidos como algo mais que irritante, eles causam uma forte reação impulsiva que expressa raiva e agressão.*

A Revista científica Frontiers in Neuroscience publicou um artigo em que definiu a misofonia como uma “síndrome neurocomportamental caracterizada pela maior excitação emocional do sistema nervoso autônomo e reatividade emocional negativa (por exemplo, irritação, raiva, ansiedade) em resposta a uma diminuição da tolerância para sons específicos”.

Chamado também de S4 ou SSSS (Síndrome de Sensibilidade Seletiva ao Som), esse mal acomete pelo menos 40 milhões de pessoas nos Estados Unidos, segundo o Misophonia Institute, organismo californiano sem fins lucrativos voltado para a pesquisa e difusão de informações sobre a misofonia. A Associação Virtual Brasileira de Misofonia estima que apareçam 150 mil casos por ano no Brasil, embora não haja a confirmação de um estudo formal.

*Mariola Kokowska

em Psychological Sensitivity to Sounds in Misophony and Phonophobia, Open Journal for Psychological Research, 2018

CONTACT ME

Find Me:

Whenever


Call 55 (41) 99 22 55 230 (WhatsApp)


Type contato@fabioriesemberg.com.br

5 + 4 =

English